Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Verdades da Patrícia

As Verdades da Patrícia

Prioridades do TUGA

Ora num país onde a taxa de abstenção nas eleições já ultrapassou os 60%......Num país onde os Bancos só servem para nos por de tanga a todos os níveis, onde tivemos uma múmia como primeiro ministro várias décadas, onde os políticos são uma cambada de burlistas, onde temos licenciaturas tiradas ao Domingo ( falo de Relvas e de Sócrates )........ Uiiii este post se vou a analisar tudo vai ser longo.........

Onde um cigano entra na Worten e compra uma TV de 5000€ e ainda ameaça o funcionário porque já devia estar embalada ( true story, em frente aos meus olhos enquanto eu pensava e repensava se podia gastar 300€ numa outra TV não tão grande, não tão pretensiosa, não tão curva, não tão moderna ).....Onde os CTT de Valadares, que são o centro de 3 bairros sociais, é um sitio onde não se pode entrar dada a quantidade de pessoal a descontar o RSI.......

Onde há  pessoas a trabalhar ao negro ( vou explicar, eu só conheço esta expressão há 3 ou 4 dias, mas gostei tanto que agora estou sempre a escreve-la.....) e a receberem subsídios de desemprego.

Onde há «inválidos» que caíram de uma escada e fizeram um arranhão e nunca mais trabalharam.

Onde ....Onde...Onde...Onde....Foge!!! 

Onde morrem bombeiros por falta de fatos adequados......

E eis que o que está a correr rios de tinta e a preocupar os portugueses nas redes sociais:

 

Aquele desafio de postar uma foto a preto e branco, é BURLAaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

My GOD como se alguém acha-se que aquilo vai salvar vidas!!! Oh povo ignorante é só um gesto.

Oh MY GOD acham que mandar a Avé Maria para 20 amigos do face vai ajudar-te????

OH MY GOD mas que mal faz???????

E aqui fica eu pela luta contra o cancro a preto e branco: 

 

PBIMG_0399.jpg

 

Análise Semanal

E a semana começou devagar e confusa. Mas de repente se fez luz, como se fosse verdade aquela cena de « o travesseiro ser o melhor conselheiro »....E acabou com uma grande luz maravilhosa e forte, e com durabilidade superior ao regular.....Será caso para dizer que a minha semana terminou a LEDs e que estou por isso muito bem iluminada.

Ontem foi altura de festejar e na alegria da noite em família tivemos a prova, como se já não fosse óbvio, que a língua portuguesa é muito traiçoeira. Ora o Rodrigo cismou não sei bem porquê, que a mãe de um coleguinha de turma tem como profissão: fazer pulseiras TOP. Eu não comentei nada o ano lectivo todo, o que me surpreendeu foi ontem ter percebido que o meu marido e o meu filho mais velho têm a mesma curiosidade que eu....se bem que enquanto eu andei o ano lectivo todo a perceber que a senhora fazia Pulseiras Top , o meu marido percebeu em igual período de tempo que a senhora fazia Operações STOP, mais ainda o nosso filho de 11 ano, percebeu, durante os mesmos 10 meses que a senhora faz Produtos Tóxicos.....

Entre pulseiras TOP, Produtos Tóxicos e Operações STOP, eu fui quem percebeu correctamente desde o primeiro dia. Para culminar a graça disto tudo, hoje ao almoço o Rodrigo chegou à conclusão que as pulseiras não prestavam para nada porque só duravam um dia. Bem....a curiosidade aumentou. Mas agora terei de ter cuidado quando tentar tirar isto a limpo, é que será difícil olhar para a simpática senhora sem me lembrar que entre Operações Stop, Produtos Tóxicos e Pulseiras TOp a minha família tornou-a um marco nas nossas recordações futuras.

Escusado será dizer que não foi bom, ontem à noite, o culminar de percebermos que todos nós tínhamos uma versão diferente, e eu longe de uma casa de banho e com o meu quase problema de incontinência resultado dos meus partos normais......

 

 

Invalidez por partir uma unha....

Ao que vejo por aí, eu devia ter direito a um subsidio mensal porque em contexto laboral, ruí as unhas. Ora ainda não cresceram. A minha auto estima baixou.

Difícil encarar as pessoas. Não estou impecável como de costume. 

Não sei mesmo em que isto é menos grave do que cair abaixo de uma escada e arranhar um tornozelo. 

Sinto-me injustiçada.

Depois as entidades competentes gostam é de adereços....se fosse a unha do pé e eu usasse muletas, já me davam imunidade laboral...sim que estou em época de não me esquecer das diversas imunidades que existem:

Imunidade à Beleza....há pessoas que são imunes, por muito que se tente a beleza não pega

Imunidade à Inteligência....é como terem o cérebro plastificado para conservar

Imunidade à Língua Portuguesa...há pessoas completamente imunes a falar correctamente e , se as questionas, ainda respondem Ka fo? Debo te algoma cuisa? Falu como Kisereee e escrebo comu me apetesser. E agradesso k num me lixes a cabeza por izo....ainda ontem cumprei uma mochilha e um kilho de arross e num fuste tu que pagastesss pois num???'

Imunidade à Pasta de Dentes....há pessoas que adquiriram imunidade a tudo o que seja de higiene dentária. Julgo até que é mais comum do que se pensa

Imunidade ao de-odorante....Isto acontece muito nos transportes públicos, o fenómeno deve estar intimamente ligado a estes meios de transporte.

Imunidade Diplomática...Algo que o Salgado não tem, mas que agora com a história dos Iraquianos vai tentar adquirir.

Imunidade À Decência.....Todos os políticos em Portugal. 

Imunidade À faculdade...ver no Wikipédia Relvas.........

E podia estar aqui até amanhã mas não posso, porque com ou sem unhas tenho de trabalhar. Não sou imune!!!

Ahhhh E não é que os desempregados já não têm de se apresentar quinzenalmente??? Chama-se imunidade ao trabalho ilegal, conhecido por trabalho por baixo da mesa, ou ainda Trabalho ao Negro.

Desbloqueei

E eis que após tantos dias sem escrever uma letra......a minha cunhada de Paris de França, a Mrs. Sousa, liga-me e inspira-me. Porque há pessoas assim pessoas que me inspiram pela voz sincera, pelo amor, pela amizade e pelo apoio, apoio daqui até à lua. E eu, pessoa de força e de palavras duras, também ando derretidinha por dentro e preciso de pessoas assim...como ela, como a minha compincha que ainda por cima também se chama Patrícia.

Então aqui vai o resumo dos últimos dias...

Então parece que houve visitantes do estrangeiro e que mais uma vez não me vieram visitar, ui doeu...não fosse eu ter aquela expressão : nem me aquece nem me arrefece....o que eu gosto mesmo é de ferver e fervo....mas na horizontal.....também já aconteceu na vertical...mas eu era mais magra e mais leve. 

Então e não é que há um ano atrás uma pessoa que eu conheço inventou que se magoou muito numa perna para não trabalhar?? O que vale é que eu sou uma mulher de connects e, ainda ele hospitalizado ano passado, liguei para as minhas amigas de ortopedia e disse: Minhas queridas estou a fazer uma investigação Top Secret....necessito de saber o que se passa com o paciente X que diz estar praticamente invalido após uma queda de umas escadas......Ao que elas me põem de imediato em convesation com o Doctor, que me tells: Ohh Paciente X???? não tem nada de nada. Um acidente no tornozelo uma semana e está pronto para trabalhar....pronto para Work portanto, mas quando a pessoa, a person, não quer, doesn"t want...tudo é desculpa excuse para não fazer um caralho...a fucking Shit e viver às custas de outrém...de another silly person.......

E como se não bastasse há a imunidade diplomática...coisa que eu não entendo, nem nunca entendi....ora bem vou na rua.....cuspo no chão, metade do cuspe fica na Rua do Rio do Paço, outra metade entra na Embaixada do Nepal ( sim, situa-se na dita rua )....sou condenada a prisão perpétua no Nepal ou não me acontece nada de nada em território sem lei mais conhecido por PORTUGAL??

Então e um menino de 15 anos diz a uma pessoa de fisionomia diferente: ah e tal és feio, estás com a cara em construção, tens um nariz feio que dói que parece um papagaio de um reclame a uma bebida exótica do Brasil......

Um miúdo português responderia assim: Vai p" Ró Cara***, tu é que és feio que dói, sais à tua mãe que dorme com a rua toda.......

Na óptica dos Iraquianos, por exemplo, que isto não aconteceu como toda a gente sabe, é um suponhamos:

Vou chamar o meu irmão não tão feio como eu, mas que também não nasceu bonito. Vou pegar no carro da embaixada, que sou menor mas no meu país começasse a conduzir aos 5 e a matar aos 7, vou matar o gajo que me chamou feio. primeiro vou atropela-lo depois vou partir-lhe aqueles ossinhos todos. 

 

E para terminar uma coisa boa da qual tive o prazer de fazer parte......

Estive a ajudar numa angariação de fundos para animais de rua, não foi mau, mas também não foi bom. Triste saber que numa terra de brandos costumes, os animais são o parente pobre que, ainda na cabeça de muitos, pode viver na rua, ser pisado espezinhado.....pode passar fome, e tem mais é de dar graças a DEUS se ainda não foi morto...Uma espécie de Imunidade Social.........onde a culpa morre solteira.

 

 

 

 

Fenómeno Emigras e a NINI

A minha família não preconizava a emigração. Apesar de haver emigrantes de ambos os lados, a minha mãe era uma mulher que amava as suas raízes e que gostava de estar perto e de ter por perto os que amava/ama.

Mas hoje vou dar um tom de brincadeira a esta situação: A emigração. Não lhe vou rotular de estatuto, ou condição porque é uma opção.

E há diferentes formas de emigrar. 

Vou como é óbvio falar na que critico ferozmente usando um exemplo.

Nascida e criada até aos 22 anos na Rua Sousa Nogueira como prova a tatuagem com as coordenadas dessa casa, eu, Patrice Fernande tinha uma vizinha pegada ao traseiro...sim porque era pegada à traseira da minha casa, a NINI. Aos 13 anos emigra com os pais para os EUA. Ela já não era muito simpática, ou seja, era uma amiga não escolhida, era vizinha pelo que era lógico que fossemos juntas para a escola e pouco mais.

Mas quando ela emigrou eu, uma sentimentaloide que espera sempre o melhor das pessoas, até fiquei com pena. 

Ela partiu na bruma da noite, qual cavaleiro andante, qual d. Sebastião que desapareceu em combate........

E depressa a esqueci,

Depois foram os regressos nas férias. Altiva como se o carro alugado no aeroporto a dignificasse. As fotos pomposas na escola que os americanos, xenófobos e racistas como ninguém, metem os «de fora», mas ela julgava de alguma forma que nós não sabíamos nada da vida e que acreditávamos que ela frequentava a escola do Valley porque queria. Por amor de DEUS, eu era teenager e via a série Beverly Hils. Ela queria enganar quem? Não passava de uma portugaloide jogada fora na escola dos pobres.

E pensar que eu podia estar a ser muito mais simpática neste post, fosse ela, alguma vez ter chegado e dito: Olá....Olá Patrice Fernande.

Mas não. A Christine como agora se chama, achou-se e lixou-se.

Em 2009 estava eu grávida do meu segundo filho, e ela vê-me a estacionar e cheia de inveja, que eu linda, boa, com estes meus olhos avelã, com o diploma de senhora doutora colado na testa..........estes caracóis dourados e esta HUMILDADE sim, que eu sou humilde acima de tudo!!!!! E ela, a Christine, fecha-me o portão na tromba. 

Pronto...isto para dizer que não tenho boas experiências com emigrantes.

Porque eu não sei se me quero polir

António Variações foi único.

Os meus comentários e interpretações abaixo.

 

«Só eu sei que sou terra
Terra agreste por lavrar
Silvestre monte maninho
Amora fruto sem tratar

Sinto-me um fruto realmente e terra agreste muitas vezes.

Só eu sei que sou pedra
Sou pedra dura de talhar
Sou joga pedrada em aro
Calhau sem forma de engastar

Sou pedra dura que não adianta bater que não vai perfurar.

A interpretação é o que quiserem dar
Não tenho jeito p'ra regatear
Também não sei se eu a quero aumentar
Porque eu não sei

Não regateio amor nem amizade, há pessoas que simplesmente não me merecem.


Porque eu não sei se me quero polir
Também não sei se me quero limar
Também não sei se quero fugir
Deste animal, deste animal

Sou um animal selvagem.

Também não sei se me quero polir
Também não sei se me quero limar
Também não sei se quero fugir
Deste animal, que anda a procurar

Não vou fugir de mim, dos meus sonhos, inquietações nem dos meus pensamentos.


Só eu sei que sou erva
Erva daninha alastrar
Joio trovisco ameaça
Nas ervas doces de enjoar

Enjoo quem não gosta de mim, a mim essas pessoas não conseguem o mesmo. Alastro em mim, porque cresço e levo-me toda comigo, sem querer mudar.

Só eu sei que sou barro
Difícil de se moldar
Argila com cimento e saibro
Nem qualquer sabe trabalhar

Trabalhar o barro, há quem consiga há 20 anos. 

Em moldes feitos não me sei criar
Em formas feitas podem-se quebrar
Também não sei se me quero formar
Porque eu não sei

Gosto de não caber em nenhum molde.

Porque eu não sei se me quero polir
Também não sei se me quero limar
Também não sei se quero fugir
Deste animal, deste animal

Polir não quero, ninguém o conseguirá.

Também não sei se me quero polir
Também não sei se me quero limar
Também não sei se quero fugir
Deste animal, que anda a procurar»

 

Procuro e procurarei para sempre a minha paz.

As 10 posições sexuais das portuguesas

Segundo a Cosmopolitan as 10 posições favoritas das MULHERES são:

 

Nada contra...mas Tigre Branco??? É preciso tanta denominações técnicas para dar uma?

19.jpg

 Hummmm então é que a vizinha do 2º andar diz que os casais do 1º fazem o prédio parecer um ZOO.

 

 

29.jpg

Amor Vamos ascender? E a vizinha de baixo vai dizer ao marido: eu não te disse que eles são dados à Meditação e a poderes Ocultos????'

37.jpg

Filha vamos fazer o cadeado??? WTF??????? Pouca conversa, mais acção.....

 

47.jpg

 

Le Bateau ivre, Le Bateau Rouge.....já não basta o croissant??

57.jpg

Ui......abertura ampla....mas que é isto? Se o meu marido me falar nesta posição vou dizer: olha lá mas agora és arquitecto ou algo que te valha????

67.jpg

La Bombe...Mondieu La Bombe.......mais uma vez: tudo a favor mas em português....Filha vamos fazer a bomba para retardar a finalização??? WTF....pouca letra que até estragas o ambiente.

78.jpg

Olha o Luís XVI lá na série Versalhes faz muito isto com a cunhada........

97.jpg

Sim é bom, mas também o é em português....Olha aí um croissant com fiambre se faz favor......

107.jpg

A flor ou o carro?????

810.jpg

 

Em suma, super de acordo mas para quê falar tanto disto??? Aulas práticas minha gente.

 

O mundo ao contrário

Hoje não ia escrever nada, mas depois noticia após noticia, ouço falar que o Salgado vai de férias.

Ora acho mal, ele não merece nem acampar quanto mais ir para um empreendimento de luxo.

Ele devia ter vergonha....O dono disto tudo, anda a meter alto nojo.......E depois Salgado vai ficar mal, a marca da pulseira electrónica....

Pessoal que estiver no mesmo empreendimento agarrem na carteira, e não deixem nada à toa na piscina.

Envergonha-me ser portuguesa quando um policia, no decorrer das suas funções matou acidentalmente um menino, negligenciado pelos pais, e agora está na miséria. E também ele é pai. Não me parece que este ano a família dele tenha férias. 

No outro dia fui à Worten, eu e o maridão pensamos e repensamos antes de dar 300€ por uma TV, mas um casal de ciganos pegou numa de 5000€ sem pestanejar! 

O Trump é candidato À Casa Branca...o que me petrifica. O que dizer sobre isto? Mas quem somos nós? Nós tivemos uma múmia.........

Um chinês estava num hospital à espera pelo nascimento do filho, em Shenyang, quando o confundiram com outro paciente e o levaram para a sala de cirurgia, por engano operam-lhe as hemorróidas...e pasmem-se isto foi mesmo na China, não se passou em Portugal! 

Por cá um idiota de S. Pedro do Sul impediu o helicóptero dos Bombeiros de se abastecer de água na sua piscina, é caso para dizer: oh palhaço para a próxima que o fogo te queime a barraca a ti, e só a ti.  Muito mau mesmo!!!! 

Do Brasil noticias da Dilma que pede qualquer coisa, para outra coisa qualquer, que eu nem li a noticia pois só me questionava: WTF ainda dão tempo de antena a esta??? Parece Portugal!!!! 

E a brincar a brincar está na hora de ver mais um episódio repetido, de alguma série que já passou 10.000 vezes num dos inúmeros canais da cabo pelos quais pago rios de dinheiro, e dos quais não tiro proveito nenhum! A não ser que um dia me veja numa situação made in « A minha namorada tem amnésia» e todos os dias sejam novidade.....hummmmm imaginem só o sexo...sempre como se fosse a primeira vez.....

E se ainda não viram motivo para seguir o meu blog, este post é prova viva que vos levo em breves minutos do Salgado, para o sexo...pelo que comigo é como numa qualquer feira popular , na roda gigante, sempre Às voltas........

For YOU SF

Uma das pessoas que mais admiro no mundo é a SF.

Conheci-a há 20 anos quando comecei a namorar com o primo dela. Ou primo, do marido dela.....Não interessa. Não uso rótulos. 

Conheci-a. A vida é uma treta. Isso sim uma treta, nunca há tempo para o tal café. Crescemos, tivemos filhos e um dia, há 2 anos atrás, a menina dela com 14 anos faleceu. 

A vida tirou o tapete a ela mais que a ninguém, e a todos, porque estamos sempre demasiados ocupados. Para o café, para uma ida à praia...e organizar um jantar de família dá demasiado trabalho. E marcar um café com amigos é sempre o evento que passa para outra altura.

Como Pedro Chagas escreveu : Amo-te mas tenho de levar o carro ao mecânico.

Mas não ela. Ela deu tudo de si a todos, foi e é a melhor mãe do mundo, e hoje escrevia-me ela num post meu no face em que eu pedia para entrevistar alguém para o meu blog....futuro livro...se eu tiver tempo, porque o ser humano nunca aprende- podes entrevistar-me a mim sou um livro aberto.

E então vou-me atrever. Hei-de entrevistar-te minha amiga para um canal de TV ou de rádio, pode ser local, pode ser ali na praia com os nossos amigos a filmarem e depois vamos distribuir gratuitamente, que ambas já nos conformamos com o facto de não termos nascido para ser ricas, e vamos partilhar vivências que podem ajudar os outros, por um minuto que seja. A aliviar aquele peso da vida.

A merda desta vida. e o que a vida te fez. Levou-te a Vida isso é que foi. Toda a nossa vida tem sentido quando somos mães. E tu és mãe. A mãe da Carolina .

Imagino a Carolina a rir-se de nós pelas nossas superstições e medos da vida. Imagino que agora tem o tio ao seu lado e riem em gargalhada sonora, que eu não privei com ele, mas sei que sim, que ele RIA , ria muito e tu o tinhas como teu forte, o teu pilar, aquele que nunca te questionou, simplesmente estava ali. E na vida não precisamos de muito, precisamos que estejam ali para nós. E ele estava para ti, mas a vida não estava satisfeita e levou-o. Deus só leva os bons....lembra-te da musica meu amor. 

E tu lembras porque tu não perdeste o amor. Tinhas 2 feras dentro de ti, uma revoltada e má e outra magoada mas serena, alimentaste aquela que te representa: a serena, boa. És uma lição de vida. 

A Carol sabia que eras assim, e agora deve dizer a todos os anjos ao lado dela: ai pois é a minha mãe. E ostenta no  ter a mãe mais linda na terra. 

O Tim tem uma musica nova em que conta o inicio dos Xutos e Pontapés, gosto de ouvi-la por vários motivos e nenhum é só pela musica, só pela batida, só pela letra ou só pelo TIM, ou só pelos Xutos, é por tudo. E pela Carol, e pelos tios e pais roqueiros e pelos padrinhos e pelos primos e porque tudo o que retrata o começo de algo com aquele amor e humildade é lindo. Mesmo que não fosse um sucesso, já o era pelo simbolismo. Falta um verso à Carol......Um dia, quando eu for famosa e tomar café com os Xutos trato disso....SF promiss you.

Tecnologias para que vos quero

Na verdade estou desde ontem, sim no término das minhas férias, em vez de gozar o merecido descanso estou a actualizar a porra do Iphone da empresa, claro que está a dar erro atrás de erro, e hoje de manhã voltei a tentar e continua. Claro que na terça feira quando disser na empresa que o Iphone não funciona vão dizer que eu não sei...eu não percebo...eu sou mulher......ah pois mas digo-vos desde já: Esta porra não serve para nada, nem nas mãos de uma mulher nem das de um homem. Aliás desde que me mudaram o equipamento profissional para um Iphone que desejo que me dêem antes um punhado de pombas, papel e linha, que era mais pratico comunicar convosco dessa forma.

O meu primeiro telemóvel foi um Motorola enorme que o meu pai me deu, parecia um comando da ZON mas mais gordo ainda. Era uma maravilha, aposto que ainda funciona. 

Ainda me lembro como era antigamente, queria falar com as amigas ligava para os fixos, atendia a avó, que não ouvia bem....e as conversas eram deste género:

 

Estou. Posso falar com a Susana.

Com quem?

Susana.

Ah não ouço. Eu tenho 90 anos e você quer falar com a minha mana? Acha que ainda é viva???

Não, minha senhora, queria falar com a sua neta SUSANA.

AH A Mariana não está.

Não a SUSANAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Ah sim , espera.

Susana está aqui uma maluquinha ao telefone aos berros.

Vem a Susana:

Mas também vem a minha mãe: já viste quanto já gastaste?? Faz favor desliga o telefone.

Desligo o telefone, meto-me na camioneta e vou falar pessoalmente com a Susana.

Estão a rir? Era assim era. 

Mas as tecnologias são viciantes, é verdade.

E quando dei por mim também já não podia viver sem telemóvel. Como se fosse parte de mim......Imaginem nós não saímos de casa descalços...pois então, também não saio sem telemóvel.

Estas férias vi-me a reclamar do empreendimento ter pouco sinal de rede. Wi-Fi era uma treta. Depois penso em mim mesma, a dizer esta frase tão ridícula quanto: o vosso Wi-Fi é uma treta....e WTF enlouqueceste??? Estás de férias.

Na verdade hoje quando envio um email espero resposta imediata. E quando me dizem não tenho email no telemóvel e só à noite vi o teu email...eu sinto-me a falar com um homem das cavernas e imagino logo a personagem com cabelo até aos joelhos, barba enorme, dentes podres, com um naco de perna de bisonte na mão, e com bocados de pele animal a tapar os órgãos sexuais.

E ter 4 canais na TV já parece tão inverosímil como me dizerem que não gostam de francesinha. 

 

Pág. 1/3

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D